Sugestão de leitura

Made in China: Pirataria e Fiscalização

Made in China: (in)formalidade, pirataria e redes sociais na rota China-Paraguai-Brasil é um livro publicado em 2011, escrito por Rosana Pinheiro-Machado.

O trabalho acadêmico da autora começou com os Camelôs de Porto Alegre. Ao logo de dez anos, a pesquisa levou a autora ao Paraguai e à China.

Sobre o Paraguai, trata-se de um texto único, pois, retrata uma transição comercial importante. Por volta de 2004, o Paraguai deixa de ser o principal centro de comércio de produtos chineses para o Brasil. Encontra-se produtos chineses na 25 de março ao invés de Cidade do Leste.

Além da conexão com a China (que nos ajuda a compreender como funciona o mundo/comércio chines), é uma publicação única.  Detalha a atuação de chineses em Cidade do Leste, a relação com a pirataria (e até mesmo a máfia!).

Quando fala da fiscalização, parece que há uma defesa muito grande dos mercados informais. Chega a argumentar que a “Tríplice Fronteira perde” com a fiscalização imposta pelas autoridades desde 2002. Talvez pelo objeto e/ou interesse/formação da autora, a única ausência importante na análise é o contexto pós-11 de setembro de 2001.

Padrão

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.